Depois de fazer uma retrospectiva sobre o meu trabalho em 2013, nada melhor do que um planejamento daquilo que pretendo realizar em 2014. É óbvio que esse planejamento visa, especificamente, minhas atividades profissionais, pois no que se refere à minha vida pessoal prefiro deixar o barco rolar!!!

Em forma mais esquemática e permanente, já que um post no blog sempre some da primeira página a medida que outros posts são feitos, o planejamento encontra-se na página Atividades do site.

Não há, na sequência de atividades qualquer tipo de hierarquia ou mesmo de necessidade cronológica, é um planejamento do que pretendo realizar em 2014 e que servirá de metas a serem cumpridas. Assim, meu primeiro propósito é cumprir com minhas atividades docentes diante das disciplinas que o Departamento de Filosofia da UNIR me confiar. Já para o primeiro semestre de 2014 serão as disciplinas de Metodologia e Prática de Pesquisa em Filosofia II e Teoria do Conhecimento I ambas no curso de Filosofia e Lógica Aplicada à Documentação no curso de Biblioteconomia.

Como tenho me consolidado professor de Lógica tanto na Filosofia como na Biblioteconomia, estabeleci como meta a escrita de um livro de Lógica em conjunto com o prof. Marcello Ribeiro, do Departamento Acadêmico de Ciência da Computação da UNIR. Tarefa essa que pretendemos realizar ainda no primeiro semestre de 2014. O mesmo servirá de material didático às nossas turmas.

Dentre as minhas atividades docentes a mais central para mim em 2014, além das disciplinas, será a consolidação da minha atuação enquanto pesquisador em Epistemologia Genética, não só na UNIR, mas na Região Amazônica como um todo, buscando me tornar referência na área para a região.

Dentre as tarefas que terei em minhas pesquisas, destaco que dei-me a incumbência de traduzir a introdução do texto “Intrdocution a l’Épistémologie Génétique” de Jean Piaget. Essa tradução é tarefa fundamental para duas atividades que estou envolvido em conjunto com os professores Ricardo P. Tassinari e Rafael dos Reis Ferreira. Além, claro, de constituirem-se tarefas fundamentais de minhas atividades junto ao GEPEGRA – Grupo de Estudos e Pesquisa em Epistemologia Genética da Região Amazônica,  têm tudo a ver com minhas atividades no projeto “O Conhecimento enquanto problema da Epistemologia Genética” o qual desenvolvo no GEPEGRA/DFIL/UNIR.

Ao longo do primeiro semestre teremos a organização do I Congresso de Filosofia da Região Amazônica, o qual congregará, principalmente, pesquisadores, professores e discentes de todo o Norte do país, pois é uma atividade voltada a eles. Esse Congresso ocorrerá em Porto Velho e tem data prevista para o período de 5 a 9 de maio de 2014. Saliento que o mesmo acontecerá em Porto Velho, pois foi concebido como um projeto itinerante, i. e., o II Congresso acontecerá em outra cidade da Ragião Amazônica a ser definida durante a realização do primeiro.

O I Congresso de Filosofia da Região Amazônica será o principal aporte das atividades da Clareira – Revista de Filosofia da Região Amazônica que tem lançamento previsto de seu primeiro número no final do primeiro semestre de 2014.

Todo o trabalho que venho realizando visa consolidar o GEPEGRA. O Grupo foi reconhecido pela Instituição no final de 2013, mas tem atividades sendo realizadas desde 2010. Em 2011 realizamos o I CEGRA – Congresso de Epistemologia Genética da Região Amazônica. Em 2012 tivemos a segunda edição do CEGRA. Ao realizarmos um trabalho tão intenso para a realização das edições do CEGRA anualmente, percebemos o quão hercúleo é essa tarefa de organizar um congresso. Assim sendo, decidiu-se que o mesmo passaria a ser bienal para termos mais tempo e fôlego de organização. De modo que no período de 15 a 17 de outubro de 2014 teremos o III CEGRA, que tem por meta trazer o prof. Jean-Marie Dolle da Universitè de Lyon – França como um dos nossos palestrantes. Além, claro, de se consolidar como Congresso da Região Amazônica, pois estamos em contato com professores da UFAM para essa realização.

Temos também a preocupação de preparar os discentes do GEPEGRA para que em junho-julho/2014 possam estar com projetos prontos e competitivos para a seleção de bolsas PIBIC/CNPq/UNIR, pois é meta termos, pelo menos dois bolsistas do grupo, um orientado por mim e outro orientado por um dos docentes pesquisadores do grupo.

Como parte das atividades de consolidação do GEPEGRA estou preparando um curso de extensão “Introdução à Epistemologia e Psicologia Genéticas” a ser ministrados aos discentes da UNIR e aberto à comunidade.

Dentre todas as atividades, obviamente está prevista a escrita de artigos para publicação em periódicos com Qualis CAPES e, também, a participação em pelo menos dois eventos, um em cada semestre, para a apresentação e discussão dos resultados parciais alcançados pelas nossas pesquisas. Incentivando, inclusive, a participação de outros membros do Grupo nesses eventos.

Não posso deixar de mencionar que tenho como meta participar de pelo menos duas reuniões do GEPEGE – Grupo de Estudos e Pesquisa em Epistemologia Genética e Educação da Faculdade de Filosofia e Ciência da UNESP/Marília-SP, o qual é o grande responsável por minha trajetória acadêmica. Essas participações seriam, pelo menos, uma por semestre.

Dentre todas as minhas atividades, não posso esquecer que tenho, ainda, as burocráticas que serão confiadas a mim pelo Departamento de Filosofia.

Por último, mas não menos importante, saliento que estou em plena atividade no meu projeto de doutorado que em breve será uma realidade.

Bem, parece que um ano será pouco para realizar todas essas atividades. Mas que venha 2014, pois estou confiante que terei plenas condições para realizar todas a atividades que me proponho.