Ontem, 02 de março, fiz meu pequeno tour por Porto Velho-RO.

É uma cidade singular! Muito pitoresca e bem receptiva. Serve, às marges do Rio Madeira (terceiro em volume da águas do Mundo!!) uma moqueca de filé de Dourado que para quem gosta de peixe é uma iguaria deliciosa.

A Catedral é muito antiga e, em termos artísticos, muito bonita. Claro, não sou dado à religiosidade, mas o conceito estético que advém da Catedral é muito interessante, ensina-nos muito sobre como a influência da religião sobre a formação do povo da cidade.

O povo, extremamente simpático e muito receptivo. É o que torna o calor elevado da cidade suportável, pois tanta simpatia e receptividade torna a cidade muito aconchegante.

Bem, assim que puder colocarei fotos desse meu passeio por aqui.

O segundo dia de prova foi muito, mas muito complicado para mim!

Era a prova didática, com o tema:

“A Filosofia Política na Contemporaneidade”

Fiquei muito nervoso, tive meus momentos de gaguejar diante da banca. Isso me rendeu um quarto lugar na classificação da prova.

Após a divulgação desse resultado, iniciou-se a prova de títulos. Assim, no compto geral, minha classificação no concurso da UNIR foi um belo 4º lugar. Saldo super positivo para quem fez seu primeiro concurso e enfrentou 12 candidatos. Sendo que um dos que estão à minha frente é doutor.

É isso, findada essa maratona estou na expectativa da viagem de volta.