O Isomorfismo entre Causalidade e Implicação e o Paralelismo Psico-Fisiológico na Epistemologia de Jean Piaget**

Na busca de uma explicação para a Teoria da Consciência, muitos caminhos já foram trilhados, a ponto de a compararem com a busca alquimista pela ‘Pedra Filosofal’, no sentido de ser a compreensão da Consciência o limite último das Ciências e da Filosofia.

Diante desse desafio propomos, a partir de algumas contribuições de Jean Piaget, principalmente, em seu texto A Explicação em Psicologia e o Paralelismo Psico-Fisiológico, debater essa temática e desenvolver a hipótese de um isomorfismo entre causalidade, noção relacionada às leis físicas, e, assim, relacionada, também, aos fenômenos fisiológicos do organismo propriamente ditos, e implicação, noção relativa ao raciocínio lógico dedutivo e às possibilidades de atribuição de valor de verdade lógico, sendo esses considerados como funções específicas da Consciência.

Consideramos, então, a possibilidade de nossa hipótese de trabalho vir a unificar a discussão teórico-científica e filosófica rumo à compreensão da Consciência, já que: proporciona uma visão que não é dualista e nem descarta a Consciência, como algo inexistente, mas ao contrário, aceita a sua existência e a sua especificidade, e mostra como lhe atribuir lugar, não espacial, mas funcional, na conduta humana e nos fornecer elementos que nos permitem não só falar sobre manifestações, fenômenos ou estados conscientes, mas correlacioná-los com o comportamento do indivíduo enquanto organismo vivo, tendo acesso ao que antes nos parecia inatingível por ser, supostamente, subjetivo.

**Resumo de comunicação apresentada e publicada nos Anais do XII Encontro Nacional de Pós-Graduação de Filosofia da ANPOF em 2006.

2 comentários

  1. Fala Vicente, blz? Bom, esse tema muito me interessa, será que voce poderia dizer um poco mais sobre a “especifidade da Consiência”? O que isso quer dizer? Tal especificadade está relacionada a sua contituição? E, caso for possível, falar um pouco mais do aspecto funcional da Consciência. Esse tema é muito interessante. Abraço!!!

  2. Fala João, blz! Num primeiro momento, como o assunto ainda está restrito à nossa conversa, vou te mandar por e-mail o texto completo, visto que esse post é um resumo! E podemos conversar a partir dele então! Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *